A regra de três

Publicado em 01 Agosto 2011 por admin

“As regras foram feitas para serem quebradas”, diz-se por aí. E no entanto, o que seria de nós sem elas? Pergunte a um matemático se se pode quebrar a Regra de Três Simples e ele dirá que não pois a conta ficaria errada, mas se editar uma reportagem se assemelha a desenhar um quadro, qual é o artista que não concorda em quebrar as regras para dar largas à criatividade? Vamos então dar a conhecer na prática a regra de três para que possa ser quebrada...

Vejamos um exemplo de aplicação desta regra na edição de uma reportagem ENG sobre o Jantar Dançante Internacional. Observe como cada secção de áudio utiliza duas ou três frases para contar a história ao alterar o componente visual também.
timelineEstrutura da reportagem ENG.

1. Lead-in (redactor em stand-up): [Frase 1] “Professores e alunos de língua estrangeira estão a chegar aqui à ao pavilhão multiusos da escola para desfrutar deste jantar anual internacional que já vai na terceira edição. [Frase 2] A organização promete uma noite cheia de deliciosos pratos da cozinha internacional, dança e muita animação.”

2. Comentário 1 (Jeremias Martins, estudante): “Trabalhámos durante dois meses no planeamento e preparação dos menus e na decoraçãoda sala  para o dia de hoje.”

Comentário 2 (Barnabé Boal, professor): “Além de estarmos a angariar algum dinheiro para actividades lectivas e visitas de estudo, este evento proporciona uma excelente oportunidade para os alunos experimentarem e praticarem as suas competências em línguas estrangeiras.”

Comentário 3 (Antonieta Girão, mãe): “Esta dança dá aos pais e aos filhos uma experiência de aprendizagem maravilhosa que podemos compartilhar juntos.”

3.    Narração (redactor fala por cima das imagens): “Os pratos étnicos do menu desta noite foram gentilmente confeccionados por restaurantes da região. Mas jantar e dançar não são as únicas actividades para desfrutar nesta noite! Fazem também parte desta gala algumas peças cómicas escritas em língua estrangeira, filmes, e até um desfile de trajes folclóricos de diferentes países.”

4.    Fecho (redactor sentado à mesa): “A animação vai durar até ao sol nascer. Quanto a mim, vou aproveitar algumas destas delícias gastronómicas. Francisco Gambrinos, a TVI no Jantar Dançante Internacional.” Neste exemplo, pode ver como a edição da reportagem seguiu a Regra de Três. O espectador que vê esta reportagem, assiste a constantes mudanças de formato de som e de imagens que criam interesse e entretenimento.

Outra técnica de produção envolve o uso de sound bites. Como vimos anteriormente, sound bites são pequenos segmentos (2-5 segundos) de vídeo e clipes de áudio que permanecem intactos e são inseridos no projecto. Na reportagem que acabamos de considerar, podem ser inseridos sound bites para transmitir o colorido, os sons, e a atmosfera da noite. Podem também ser inseridos sound bites entre alguns ou todos os segmentos de áudio e vídeo dos comentários. O uso dos sound bites permite que os espectadores tenham uma experiência do evento como se estivessem lá. Exemplos de alguns sound bites que poderiam ser usados neste projecto:

• As pessoas dançando ao som de música étnica.

• Os alunos a representar sketches cómicos ou desfilando em trajes folclóricos.

• Algumas imagens e sons a partir da mesa de jantar.

• Os alunos conversando uns com os outros em língua estrangeira.

Uma reportagem ENG será tanto mais eficaz quanto mais cuidado for o planeamento e a produção do projecto. Seguindo a Regra de Três pode organizar as informações e eliminar uma série de dúvidas sobre o que fazer a seguir, dúvidas que surgem sempre que se tenta editar um projecto sem um guião prévio. A continuidade resulta quando a sequência e apresentação do material é planeado e produzido profissionalmente.

Share

Devolva uma resposta

Advertise Here
Advertise Here

,

SITES SUGERIDOS

  • CCPJ Comissão da Carteira Profissional de Jornalistas
  • CENJOR Centro Protocolar de Formação Profissional para Jornalistas
  • FIJ Federação Internacional de Jornalistas
  • SINJOR Sindicato de Jornalistas

Circulo de Amigos

.

Newsletter

Sim, quero receber novidades